Ação em rede triplicará percentual de doadores frequentes. Potencial no Estado é de 14 mil médicos cooperados e 10 mil colaboradores, além de familiares e amigos

Na Unimed Erechim, o Programa está em fase de implantação, por meio do Instituto Unimed Erechim. Inicialmente, o Doador Fiel envolverá médicos cooperados, colaboradores, familiares e amigos. Posteriormente, aquelas pessoas do Sistema que, por razões contrárias à sua vontade, não podem ser doadoras, mas podem atuar como influenciadoras. Doadores e influenciadores receberão carteirinhas onde serão marcadas as doações realizadas pelo participante ou doações efetivadas por ação do influenciador. Conforme o escopo do Programa, pessoas do sexo masculino poderão doar até quatro vezes no período de um ano (365 dias), respeitando o intervalo mínimo de dois meses entre cada doação. Pessoas do sexo feminino poderão doar até três vezes no período de um ano (365 dias), respeitando o intervalo mínimo de três meses entre cada doação.

Em países desenvolvidos, o percentual de doadores de sangue pode chegar a 8%. No Brasil, este índice é pouco maior do que 1%. Para mudar esta realidade, o Instituto Unimed/RS desenvolveu o Programa Doador Fiel, que elevará para 3,5% o percentual de doadores nas 26 singulares do Rio Grande do Sul. Na ação em rede, doadores e influenciadores fomentarão a cultura da doação periódica de sangue. À frente da meta estabelecida pelo Ministério da Saúde para os próximos cinco anos (2,3%), o Instituto Unimed/RS conta com o potencial de mais de 14 mil médicos cooperados e 10 mil colaboradores. Estimase que cada doação de sangue possa ajudar até quatro pessoas.

 

Digite a busca desejada e tecle [enter]